Canjiquinha vegetariana com ora-pro-nobis

Em outro post expliquei como cultivar ora-pro-nobis em vaso. É uma planta que vale a pena ter, porque ela produz muito, precisa de pouco cuidado e é deliciosa.

Essa receita de canjiquinha vegetariana com ora-pro-nobis é uma adaptação vegetariana de um prato tradicional mineiro. Dá pra fazer uma versão vegana usando tofu defumado ou algum outro vegetal chamuscado no fogo, mas em geral é mais simples e acessível usar o provolone mesmo pra dar o gosto de defumado. É um prato fácil de fazer, que é bem completo, e suja só uma panela – por isso a gente adora.

A parte mais difícil é encontrar milho que não seja transgênico pra usar no prato. Hoje no Brasil, infelizmente, cerca de 93% da área plantada com milho, soja e algodão são transgênicos. O problema não é apenas se é seguro comer transgênicos – embora existam pesquisas rigorosas, é uma invenção muito nova para se ter completo mapeamento das consequências na nossa saúde e na saúde do meio ambiente. Mas questão incomoda ainda mais quando se enxerga o monopólio das sementes e o uso intensivo de agrotóxicos que os transgênicos usam – esses sim sabidamente nocivos. Milho transgênico, no fundo, é uma questão política e econômica. O milho transgênico é um milho infértil, o que significa que a cada ano o agricultor depende da compra repetida de sementes. Isso aumenta o custo de produção, a dependência do agricultor, diminui a variedade de espécies de milho. Recomendo muito esse post completíssimo sobre milho transgênico do Comida Saudável pra Todos pra entender melhor os transgênicos e as questões que eles trazem.

A única maneira de se resguardar hoje do milho transgênico é comprando milho orgânico. Para ser considerado orgânico, a semente necessariamente não poderá ser transgênica. É claro que os orgânicos ainda possuem questões de acesso e também de preço – nas feiras direto com produtores o preço é mais acessível que nos supermercados, mas também nem todas as cidades tem feiras orgânicas disponíveis. Mas achando, vale a pena incentivar a produção desse milho comprando. E preparando canjiquinha e outras delícias:

 

CANJIQUINHA VEGETARIANA COM ORA-PRO-NOBIS (para 2 – 3 pessoas)

6-8 cebolas miúdas
1 colher de sopa de manteiga
2 colheres de cachaça ou de vinho branco seco
2 cenouras médias
1/2 copo de quirera de milho amarelo bem miúda (canjiquinha)
1 maço grande de ora-pro-nobis
100g de queijo provolone
sal e salsinha à gosto

1. Comece refogando as cebolas inteiras e as cenouras cortadas em rodelas na manteiga em fogo baixo;

2. Se tiver um pouco de cachaça ou de vinho branco, jogue um pouco para soltar o fundo escuro que se forma na panela (deglaçar);

3. Em seguida, acrescente a quirera de milho e coloque o triplo de água, como se fosse fazer uma sopa. Fique atento: a quirera vai cozinhar por cerca de 30-40 minutos, absorvendo bastante água mas pode ser que você precise colocar mais água nesse intervalo. A consistência final deve se parecer com a de uma sopa bem grossa;

4. Prove o milho. Quando estiver macio, acrescente as folhas da ora-pro-nobis inteiras. Deixe que as folhas amaciem e jogue o queijo provolone.

5. Salgue, acrescente a salsinha, desligue e sirva em prato fundo. É um prato único, completo e rústico; não precisa de acompanhamento.

 

Uma resposta para “Canjiquinha vegetariana com ora-pro-nobis”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s